Sábado, 2024-05-18, 9:42 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2013 » Maio » 17 » MÉDICOS DO SAMU MANTÊM GREVE
12:09 PM
MÉDICOS DO SAMU MANTÊM GREVE


Diante do descaso dos gestores da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), os médicos reguladores e intervencionistas do Samu decidiram denunciar publicamente as precárias condições de trabalho, instalações e remuneração. Nesse sentido, farão uma manifestação em frente à Prefeitura, na Praça Municipal, na próxima terça-feira, 21 de maio, quando o atendimento ficará reduzido ao nível mínimo, durante as seis primeiras horas do dia.


A greve dos médicos do Samu foi mantida na assembléia de quinta-feira (16), quando a categoria voltou a avaliar as propostas da SMS, concluindo que não há seriedade na forma com que a gestão municipal vem tratando os problemas do Samu, nem a necessária valorização do trabalho médico prestado à população. Desde o dia 14 de maio, os médicos reguladores e intervencionistas do Samu estão em greve por tempo indeterminado.


Propostas em pauta


Os profissionais propuseram ao governo a implantação da isonomia salarial entre todos os vínculos médicos (estatutários, CLT, PJ, REDA e TAC). E para melhorar o salário dos estatutários – que recebem hoje pouco mais de R$1.800 -, a proposta foi majorar a gratificação de 50% para 200% sobre o vencimento básico. Porém o secretário só ofereceu aumento de gratificação aos estatutários, REDAs e TACs, deixando de fora os médicos cujos vínculos são CLT e PJ.


A proposta alternativa apresentada pela SMS foi majorar a gratificação de 50% para 200% sobre o salário base, porém passando a jornada de trabalho de 24 horas para 40 horas semanais, o que não significa melhoria salarial, mas, ao contrário, aumento da sobrecarga de trabalho. Naturalmente, foi recusada pelos médicos.


A categoria reivindica ainda soluções para as precárias condições de trabalho, os salários defasados e a insuficiência do número de profissionais no atendimento à população.

Fonte:  Bocão News

Category: NOTÍCIAS | Views: 374 | Added by: monica | Rating: 0.0/0
Registro de arquiv
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 5
Convidados: 5
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa