Terça-feira, 2024-06-25, 6:50 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2015 » Julho » 15 » ESTUDANTES DE FACULDADE EM SALVADOR APOIAM O PACTO PELA EDUCAÇÃO
3:02 PM
ESTUDANTES DE FACULDADE EM SALVADOR APOIAM O PACTO PELA EDUCAÇÃO

Cidadania, educação, solidariedade e oportunidade são palavras que se completam na implantação, pelos alunos do Centro Universitário Estácio da Bahia - Estácio FIB, da rede de computadores do Colégio Estadual 2 de Julho, em Fazenda Grande do Retiro, em Salvador. A parceria para a iniciativa só foi possível por meio do Programa Educar para Transformar – um Pacto pela Educação, que, em um de seus eixos, propõe a aproximação entre a iniciativa privada e a escola pública. 

Com a implantação da rede, os 1.400 estudantes matriculados no ensino médio passarão a ter acesso à internet sem fio em toda a escola e os departamentos do colégio também serão beneficiados. A diretora interina, Florisbela Machado, disse que serão interligados os computadores da direção, da sala de reunião, secretaria, entre outros. “Não tínhamos nossos computadores em rede. Então, para a parte administrativa vai facilitar tudo. Vai melhorar a qualidade das aulas, pois os professores poderão utilizar tablets, notebooks e até os próprios celulares”. 

De professor para professor

A ideia nasceu de uma conversa entre os professores da Estácio – FIB, Bruno Viana, e do Colégio 2 de Julho, David Santiago, que trabalham juntos em uma terceira empresa. “Por meio do Bruno, eu soube dessa necessidade da faculdade e disse que haveria a disponibilidade da escola, que estava aberta para a parceria. É uma área importante para nós, porque o aluno entende e usa tecnologia no dia a dia. Quando ele vê isso em sala de aula, há uma motivação maior para aprender”.

Bruno, por sua vez, explica que havia a necessidade da faculdade proporcionar a aula prática aos alunos. “Como as empresas privadas colocam dificuldade para fazer esta parceria, tivemos a ideia de buscar as escolas públicas, que precisam da implantação real deste tipo de projeto. Com isso, a gente faz um trabalho social, proporcionando cidadania nestas escolas e comunidades”.

Prática para os universitários

Hare Moreno, 37 anos, do quarto semestre de rede de computadores na Estácio Fib, é um dos que está colocando a mão na massa e trabalhando duro para a implantação do projeto. “A faculdade cria assim uma oportunidade para que os alunos coloquem em prática o que estão aprendendo durante o curso. E tem este lado social, nós temos o intuito de pegar alunos que têm interesse, gostam de informática, e dar um empurrão inicial, para que possam colaborar também no próprio colégio, aumentando o seu interesse”. 

Outro aluno, Jorge Luís da Conceição, também está se dedicando à instalação da rede, que requer inclusive intervenções de infraestrutura. “Isso está sendo um aprendizado para nós e para os alunos da escola. A ideia é que eles se formem e possam também fazer este mesmo processo de compartilhamento do conhecimento, tornem-se multiplicadores”.

Expansão da parceria 

Segundo o coordenador do curso, Antônio Cordeiro, o objetivo é expandir a iniciativa. “Estamos planejando, para o próximo semestre, envolver um número maior de alunos, mais disciplinas, mais cursos. Este projeto é uma demonstração de cidadania, de que nós podemos fazer algo mais pela escola pública no Brasil. Colaborando com o Programa Educar para Transformar, a gente contribui com educação e cidadania, levando tecnologia para essas pessoas e comunidades que carecem tanto dessa ferramenta que abre portas para o mundo.

Fonte: SecomBA

Category: NOTÍCIAS | Views: 317 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
Registro de arquiv
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa