Quarta-feira, 2020-09-30, 4:16 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2011 » Janeiro » 7 » SUPOSTA TENTATIVA DE ASSALTO DEIXA UM MORTO E OUTRO FERIDO
1:26 PM
SUPOSTA TENTATIVA DE ASSALTO DEIXA UM MORTO E OUTRO FERIDO

A noite de quinta-feira (6) começou violenta no bairro Juca Rosa, Zona Norte de Eunápolis. Uma pessoa morreu e outra ficou ferida em uma suposta tentativa de assalto.

Por volta das 19h40, os amigos Adenilton Jesus Souza, 21 anos, e Bruno Borges Gomes, 18, transitavam de bicicleta por uma rua que fica nos fundos do Country Club quando foram interceptados por quatro pessoas.

Adenilton, que teria reagido ao roubo, foi atingido com um tiro no rosto e ficou caído no chão. Bruno foi perseguido e entrou na casa de um desconhecido num conjunto habitacional nas proximidades, mas acabou sendo alvejado nas nádegas.

Uma equipe do SAMU - com apoio do Pelotão Especial da Polícia Militar (PEOT) – foi ao local prestar os primeiros socorros. Os médicos do ainda tentaram reanimar Adenilton, mas ele não apresentava mais os sinais vitais.

‘Ele teve um ferimento à bala em região de face. Provavelmente o projétil ficou alojado no centro respiratório. Quando chegamos, ele já estava morto’, afirmou o médico Walber Silveira.

Logo em seguida os socorristas foram atender Bruno, que estava derrubado na sala da casa e sangrando muito. Ele foi removido para o Hospital Regional de Eunápolis e ainda de acordo com o médico o seu estado não é grave, mas inspira cuidados.

‘Ele tem um ferimento em região de glúteo. A bala não transfixou. Ficou alojada na parte lateral da coxa. Agora é preciso verificar se houve lesão de bexiga. Ele será submetido à radiografia e vai passar por uma sonda, para ver se há sangramento’, completa o médico do SAMU.

O homem que morreu era casado e morava com a mulher na Rua Afonso Pena, no Juca Rosa. Ele deixa uma filha de dois anos. A esposa, que não quis se identificar, está grávida de três meses. O casal morava em Linhares (ES) e estava em Eunápolis há quatro meses.

De acordo com a mulher, o marido era auxiliar de serviços gerais, mas ficou desempregado e estava recebendo o seguro desemprego. ‘Ele não roubava e não usava droga. Foi uma injustiça’, disse ela.
Category: NOTÍCIAS | Views: 729 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 5
Convidados: 5
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa