Domingo, 2021-11-28, 5:55 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia
Main » 2012 » Outubro » 18 » SANTO ANTONIO DE JESUS: PRESA SEGUNDA SUSPEITA DE MATAR DUAS PESSOAS E FERIR OUTRAS QUATRO EM FESTA POLÍTICA NA PRAÇA
0:14 AM
SANTO ANTONIO DE JESUS: PRESA SEGUNDA SUSPEITA DE MATAR DUAS PESSOAS E FERIR OUTRAS QUATRO EM FESTA POLÍTICA NA PRAÇA

Foi presa na tarde desta terça-feira (16), outra suspeita dos disparos que deixaram dois mortos e quatro feridos dia 7 de outubro durante uma comemoração política na praça Padre Mateus. A jovem Uildileide Tavares da Silva, 21 anos, moradora do Alto Santo Antônio foi presa na cidade de Brejões após trabalho em conjunto do serviço de inteligência das polícias militar e civil. Uildileide se tornou suspeita após ter fugido na noite dos disparos com seu namorado.  A outra acusada Nicássia Inácia ainda continua presa.

Relembre o caso:

Durante a comemoração da vitória do prefeito eleito em Santo Antônio de Jesus (a 185 km de Salvador), Humberto Leite (PMDB), na noite, domingo (7), por volta das 21h30, uma mulher ainda não identificada sacou uma arma e disparou contra o jovem Patrício Fernandes da Paixão, de 17 anos (Foto). Ele levou cinco tiros e morreu ao dar entrada no Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus. Já Gilvan de Souza Jesus, 17, foi vítima de bala perdida que atingiu sua barriga. Mais três pessoas foram atingidas de raspão. José de Souza, Lenilso Cláudio dos Santos, Caio Henrique Figueiredo e Miriam da Conceição, que não correm risco de morte. Todos estavam na Praça Padre Matheus, onde aconteceu a festa.

A acusada de efetuar os disparos foi presa pela Polícia Militar e está custodiada na carceragem da 4ª Coordenadoria de Polícia do Interior. A motivação do crime ainda não foi revelada. Segundo informações do comandante do 14º Batalhão da Polícia Militar, coronel Luziel Andrade, não houve falta de policiamento. A PM, segundo o coronel Luziel, atuou durante as eleições com 10 viaturas e atendeu as ocorrências e ainda a Justiça Eleitoral. "Estávamos presentes e a prova disso é que prendemos a suspeita do crime. Desde às 5h da manhã de domingo estávamos nas ruas com as equipes, inclusive para cobrir toda região durante as eleições.


Fonte: Blog do Valente

Category: NOTÍCIAS | Views: 671 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 4
Convidados: 4
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa