Quarta-feira, 2022-12-07, 6:45 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2014 » Agosto » 11 » SALVADOR: TRAFICANTE COMANDOU CHACINA PARA SE VINGAR DE EX-COMPARSA
10:35 AM
SALVADOR: TRAFICANTE COMANDOU CHACINA PARA SE VINGAR DE EX-COMPARSA

Seis pessoas foram mortas a tiros durante uma festa de aniversário na Rua do Guiné, em Periperi, por volta das 20h30 de sábado. Mais duas pessoas  foram baleadas, mas não correm risco de morrer. Segundo o delegado Odair Carneiro, da Delegacia de Homicídios Múltiplos (DHM), nove homens chegaram em dois carros e atiraram contra as vítimas.

A chacina teria sido motivada por uma rixa entre o traficante conhecido como Leno e seu rival, Daniel Pereira dos Santos, o Cuminho. Segundo a polícia, os dois eram parceiros na facção Comissão da Paz (CP), mas, com a prisão de Cuminho, Leno ficou sozinho na administração das bocas de fumo da região e acabou se ligando à facção rival, Caveira.
 


De acordo com Odair, Cuminho estava preso por tráfico, homicídio e sequestro e deixou a prisão na segunda-feira, por conta da saída temporária do Dia dos Pais. Ele ficou sabendo que estava acontecendo uma festa de aniversário de parentes de Leno e então resolveu “acertar as contas”.

Leno, no entanto, não foi encontrado na casa, o que não impediu as mortes de Amanda Reis dos Anjos, 21 anos; Alessandro Reis dos Anjos, 29; Marcos Antônio Silva Santos, 28; Ricardo de Carvalho Silva, 28; Edmilson Santos dos Anjos, 52; e Adoniran Reis dos Santos, 35 anos. Nenhuma das vítimas tinha passagem pela polícia.

Já Alessandra Reis dos Anjos, 37 (irmã de Alessandro), e Leilane Reis Menezes, 20, foram baleadas na perna esquerda e encaminhadas para o Hospital do Subúrbio. Entre os mortos, Edmilson e Marcos não estavam na festa, e foram mortos em via pública.  “Edmilson estava passando na rua e foi alvejado. Ele foi ver minha mãe. A gente nem sabia que estava tendo festa. Não sei explicar o que aconteceu”, conta a doméstica Magali Assis de Jesus, 41, ex-mulher de Edmilson.

Segundo os familiares, ele era operador de máquinas e pedreiro e estava passando pelo local de moto. “Edmilson não estava envolvido, mas conhecia o pessoal”, conta o delegado.

Segundo a polícia, a festa de aniversário seria de uma tia de Leno. Familiares de Edmilson informaram que  o bando já chegou na Rua do Guiné atirando. Também são apontados como participantes da chacina os criminosos Jean Jorge Gonçalves dos Santos, conhecido como Papel, e Diego de Souza Gonçalves, o Bide. Os dois também teriam  tido o benefício da saída temporária para o Dia dos Pais e deixaram o Presídio Salvador, na segunda-feira, segundo o delegado.

Depois dos crimes, revoltada, a quadrilha de Leno botou fogo na casa do pai de Cuminho, no mesmo bairro. Um dos parentes de Ricardo, que não quis se identificar, disse que ele foi morto na cozinha. “Ele saiu ontem e foi para um aniversário e não disse onde era. O lugar que ele estava a gente não vai. Falei para ele não ir mais lá, porque o pessoal de lá vira e mexe tem rixa com outros  bairros”, conta.

Periperi é bairro com mais assassinatos no ano: 31
De janeiro até sábado, 31 pessoas foram vítimas de homicídio no bairro de Periperi, no Subúrbio Ferroviário, segundo dados do boletim diário da Secretaria da Segurança Pública (SSP), que não contabiliza casos de latrocínio (roubo seguido de morte).

Com a chacina na Rua do Guiné, que terminou com seis mortos, o bairro ultrapassou os vizinhos Paripe e Lobato, ambos com 27 homicídios registrados,  e empatou com São Cristóvão, onde também foram registrados 31 assassinatos desde o início do ano.

O índice de mortes é o mesmo do município de Dias D’Ávila, na Região Metropolitana, que tem 75 mil habitantes. Periperi tem 49 mil, segundo o último Censo. Outros bairros com números alarmantes de assassinato na capital são Mata Escura, com 23 mortes, Liberdade (22), Cajazeiras (21), Águas Claras (19) e Sussuarana (18). No total, são 1277 homicídios contabilizados este ano em Salvador e Região Metropolitana.

Fonte: Correio

Category: NOTÍCIAS | Views: 587 | Added by: monica01 | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa