Sexta-feira, 2022-12-09, 11:49 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2014 » Agosto » 12 » SALVADOR: SUSPEITO DE LIDERAR CHACINA EM PERIPERI SE APRESENTA À POLÍCIA
5:11 PM
SALVADOR: SUSPEITO DE LIDERAR CHACINA EM PERIPERI SE APRESENTA À POLÍCIA

O homem suspeito de liderar a chacina que matou seis pessoas na noite do último sábado (9) no bairro de Periperi se apresentou à Polícia nesta terça-feira (12). Daniel Pereira dos Santos, o Cuminho, apareceu na manhã de hoje no Conjunto Penal de Lauro de Freitas, onde estava preso antes de receber o indulto de Dia dos Pais.

De acordo com a Polícia Civil, as investigações apontam que além de participar ele era o mandante do crime no último final de semana. Daniel deve ser indiciado e vai responder pelo caso. Ele foi liberado pela Justiça para passar o feriado fora do Conjunto Penal de Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador.

Logo depois de se apresentar, o suspeito prestou depoimento ao delegado Odair Carneiro, da Delegacia de Homicídios Múltiplos (DHM). Ainda hoje ele também será ouvido na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), antes de retornar ao Conjunto Penal de Lauro de Freitas.

Entenda o caso
A chacina teria sido motivada por uma rixa entre o traficante conhecido como Leno e seu rival, Daniel Pereira dos Santos, o Cuminho. Segundo a polícia, os dois eram parceiros na facção Comissão da Paz (CP), mas, com a prisão de Cuminho, Leno ficou sozinho na administração das bocas de fumo da região e acabou se ligando à facção rival, Caveira.

De acordo com Odair, Cuminho estava preso por tráfico, homicídio e sequestro e deixou a prisão na segunda-feira, por conta da saída temporária do Dia dos Pais. Ele ficou sabendo que estava acontecendo uma festa de aniversário de parentes de Leno na rua Guiné e então resolveu “acertar as contas”.

Leno, no entanto, não foi encontrado na casa, o que não impediu as mortes de Amanda Reis dos Anjos, 21 anos; Alessandro Reis dos Anjos, 29; Marcos Antônio Silva Santos, 28; Ricardo de Carvalho Silva, 28; Edmilson Santos dos Anjos, 52; e Adoniran Reis dos Santos, 35 anos. Nenhuma das vítimas tinha passagem pela polícia.

Fonte: Correio

Category: NOTÍCIAS | Views: 406 | Added by: monica01 | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa