Quarta-feira, 2020-09-23, 4:19 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2012 » Julho » 10 » SALVADOR: POLÍCIA DESARTICULA QUADRILHA DE ROUBO DE CARROS E EX-PM SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO NO ESQUEMA É MORTO
0:09 AM
SALVADOR: POLÍCIA DESARTICULA QUADRILHA DE ROUBO DE CARROS E EX-PM SUSPEITO DE ENVOLVIMENTO NO ESQUEMA É MORTO

Um ex-policial militar foi morto em confronto com policiais civis na região do Terminal Rodoviário de Salvador, na última sexta-feira (6). Antônio Cláudio Santos Paixão reagiu à abordagem dos agentes da Delegacia Repressão a Furtos e Roubos de Veículos (DRFRV), foi baleado e morreu no confronto.


Ele fazia parte, de acordo com a Polícia Civil, de uma quadrilha especializada em roubos e adulteração de veículos, roubados em vários bairros de Salvador e, posteriormente, revendidos com documentos falsos em cidades do interior e em outros estados. Seis carros foram recuperados e três integrantes do grupo foram presos.

Os policiais surpreenderam Antônio Cláudio e Genival Borges da Silva em um local de confecção de placas, próximo ao terminal rodoviário, onde buscavam a placa de um dos carros adulterados que seria revendido no Piauí. As cédulas de documentos automotivos fraudados pela quadrilha eram oriundas daquele estado.

Reinaldo Fonseca Cerqueira, conhecido como "Nal”, e Francisco Ribeiro dos Santos, "Francis ou França”, foram flagrados em um sítio, na localidade de Tabuleiro da Baiana, em Muritiba, a 114 km de Salvador. No sítio, foram encontrados seis veículos roubados - dois Cross Fox, um Saveiro, um Strada, um Montana e um Siena-, e ferramentas utilizadas para adulteração dos carros.

Genival, Reinaldo e Francisco foram apresentados pela polícia na tarde desta segunda-feira (9), no auditório do edifício-sede da Polícia Civil, na Piedade. O delegado Nilton Borba, titular da DRFRV, informou que a operação que resultou na desarticulação da quadrilha teve início há dois meses.

Os veículos subtraídos em Salvador, de acordo com o delegado, eram levados para Feira de Santana e de lá seguiam para Muritiba. A quadrilha adulterava os sinais de identificação (chassi, vidros e motor), falsificava a documentação e os revendia.

Carros novos eram preferidos pelo grupo, que mantinha uma média de pelo menos dois carros adulterados por semana. Estima-se que a quadrilha tenha revendido pelo menos 80 veículos, em Sergipe, Piauí e cidades do interior baiano.

Expulso após assalto
O ex-PM morto foi expulso da corporação em 2008, após ser processado pelo assalto a Iguatemi Pneus, ocorrido em 2005. Ele tinha dois mandados de prisão em aberto e respondia a oito inquéritos por envolvimento em crimes contra o patrimônio em várias delegacias da capital.

A Polícia Civil suspeita que, quando foi morto, ele se preparava para buscar placas falsas fabricadas para os veículos já adulterados.

O diretor do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), Cleandro Pimenta, e a delegada Pilly Dantas, diretora-adjunta do DCCP, também participaram da apresentação do grupo.
Category: NOTÍCIAS | Views: 509 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa