Sábado, 2022-11-26, 4:25 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2013 » Outubro » 15 » SALVADOR: PERITO REALIZA AVALIAÇÃO EM MÉDICA QUE PROVOCOU COLISÃO EM ONDINA
10:33 AM
SALVADOR: PERITO REALIZA AVALIAÇÃO EM MÉDICA QUE PROVOCOU COLISÃO EM ONDINA


Um perito do Departamento de Polícia Técnica (DPT) esteve no Hospital Aliança na tarde desta segunda-feira (14), para avaliar o real estado de saúde da oftalmologista Kátia Vargas Leal Pereira, de 45 anos, que, de acordo com as informações da polícia, provocou o acidente de trânsito que causou a morte dos irmãos Emanuel Gomes Dias, 22 anos, e Emanuelle Gomes Dias, de 21 anos. 

Em contato com a produção da TV Aratu, o promotor Davi Gallo informou que a Justiça ainda não recebeu nenhum boletim médico com o estado de saúde da médica. Gallo disse ainda que o Ministério Público solicitou que a prisão em flagrante seja revertida para prisão preventiva. "Esta medida tem que ser tomada garantir a ordem pública, já que ela, por si só, já representa um perigo. Além disso, quem nos garante que ela não irá fugir?” questionou. 

Segundo o promotor, Kátia está presa, à disposição da Justiça, sob custódia policial, embora não esteja em uma cela. Dois policiais estão no hospital para garantir o cumprimento das medidas judiciais. Gallo afirmou ainda que o caso cresce em importância por conta do clamor público que envolve o crime. Kátia irá responder por duplo homicídio doloso, ou seja, quando há intenção de matar.

Na manhã desta segunda-feira (14), a polícia ouviu uma das testemunhas do acidente. Segundo a delegada Jussara Souza, da 7ª Delegacia Territorial (Rio Vermelho), esta pessoa teria presenciado todo a ocorrência, desde a discussão, até o momento em que acontece a batida. Além disso, a polícia realizou diligências no bairro de Ondina, onde os irmãos morreram, tentando levantar informações que ajudem a desvendar o caso. Em entrevista a equipe de reportagem da TV Aratu, a delegada Jussara Maia informou que a médica será autuada em flagrante assim que receber alta. O advogado da acusada, Vivaldo Amaral, já deu entrada em um pedido de habeas corpus, solicitando que a sua cliente responda pelo crime em liberdade.

Fonte: Aratu Online

Category: NOTÍCIAS | Views: 393 | Added by: monica01 | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa