Segunda-feira, 2018-07-23, 6:32 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Main » 2016 » Janeiro » 27 » SALVADOR: MÃE E FILHO BALEADOS EM ATAQUE NA MATA ESCURA TINHAM IDO VISITAR IDOSA
3:26 PM
SALVADOR: MÃE E FILHO BALEADOS EM ATAQUE NA MATA ESCURA TINHAM IDO VISITAR IDOSA

Ana Paula Ribeiro dos Santos, 38 anos, e o filho de 15 anos tinham ido visitar a sogra Gleide André dos Santos, 69 anos, quando os três foram baleados em um ataque na noite desta terça-feira (26) na rua principal do bairro Mata Escura, em Salvador. Joilson Santos de Jesus, filho de Gleide, escapou dos tiros porque ainda estava dentro do carro no momento dos disparos.

A família mora no bairro de Sussurana e havia acabado de chegar na porta da casa de Gleide, quando foram surpreendidos pelos tiros. Eles tinham ido ao local levar uma máquina de lavar roupas para a idosa. Joilson socorreu a mãe, a esposa e o filho para o Hospital Roberto Santos no próprio carro.

Além da família, Henrique Santos da Silva, 25, também foi atingido pelos disparos. Ele havia saído da academia e seguia para casa quando foi baleado nas costas. Henrique foi socorrido por uma pessoa que presenciou o crime e também foi levado para o Hospital Roberto Santos.

A quinta vítima, Carlos Eduardo dos Santos Nascimento, 25, seria o alvo dos tiros. Segundo informações da 11ª Delegacia (Tancredo Neves), ele estava na companhia de dois amigos andando pela rua Direta da Mata Escura, quando quatro homens em duas motos se aproximaram dele e iniciaram os disparos. Os três amigos correram, mas Carlos Eduardo acabou sendo atingido e caindo no chão. Os outros dois rapazes, identificados como Vi e Wesley, conseguiram fugir.

Aos policiais, Carlos Eduardo apontou dois dos quatro bandidos que efetuaram os disparos: Dieguinho e Moisés. Segundo a polícia, Dieguinho e Moisés são traficantes da localidade de Mata Escura conhecida como Floresta, onde o domínio é da facção Caveira.

 

Carlos Eduardo foi atingido nas costas e socorrido pelo pai para o Hospital Roberto Santos, onde permanece internado. As outras vítimas do ataque já tiveram alta.

Policiais militares da 48ª Companhia Independente da Polícia Militar (Sussuarana) estiveram no local, mas as vítimas já haviam sido socorridas. Os suspeitos dos crimes permanecem foragidos. Para a polícia, Carlos Eduardo disse que não sabia o motivo do crime, mas reconheceu dois suspeitos de participar do ataque. 

Carlos Eduardo tem passagem pela polícia por roubo e está em liberdade condicional. O estado de saúde dele não foi divulgado.

Fonte: Correio

Category: NOTÍCIAS | Views: 122 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 12
Convidados: 12
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa