Domingo, 2021-11-28, 3:35 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia
Main » 2012 » Julho » 29 » SALVADOR: GUARDA MUNICIPAL ATIRA EM CARRO NA AV. PARALELA
7:10 PM
SALVADOR: GUARDA MUNICIPAL ATIRA EM CARRO NA AV. PARALELA

A ação de um guarda municipal quase termina em tragédia na tarde deste sábado (28) na Av. Luiz Viana (Paralela), em Salvador. De acordo com informações de testemunhas, o servidor municipal identificado como Anderson Clayton Oliveira
Santos sacou uma arma e atirou em direção ao veículo de um empresário após uma discussão banal de trânsito.

Segundo informações de Darlan Almeida Ribeiro, 32 anos, que seguia em companhia de seu irmão de iniciais G.B.D.R, 16 anos, os dois foram surpreendidos pelo acusado quando trafegavam pela Av. Luiz Eduardo Magalhães. "Eu saí de meu trabalho com meu irmão e quando trafegava pela via, observei que vinha uma Kombi (veículo) da Prefeitura Municipal. Mudei de faixa e fui surpreendido pelo guarda que aos gritos me questionou se eu não respeitava a autoridade”, conta o empresário.

"Para minha surpresa ele sacou uma arma e apontou, com o carro em movimento, para o meu irmão de 16 anos. Assustado, acelerei e ele atirou, atingindo o pneu do carro”, complementa.
Anderson Clayton, segundo a vítima, continuou perseguindo até a entrada do bairro do Imbuí, na Paralela. "Eu já estava desesperado quando avistei uma viatura que aparentava ser do COE, da polícia civil e comecei a buzinar para chamar a atenção do motorista. Para meu azar o carro também era da guarda municipal”, relata.

Segundo Darlan, os outros guardas municipais não deram nenhum tipo de ajuda e ainda pegaram uma algema e apontaram uma arma de choque para seu irmão. "Ele é um adolescente. Ficou muito assustado com a situação, com o terrorismo”. O empresário e o irmão só foram salvos quando policiais militares chegaram logo em seguida. "Um motorista acompanhou toda ação e ligou para a polícia que chegou bem rápido. Se não fosse eles eu não sei o que teria acontecido”.

 
Todos os envolvidos foram encaminhados para a 9ª Delegacia Territorial (DT/Boca do Rio) para prestar esclarecimentos. A arma utilizada pelo guarda municipal é de sua propriedade e tem registro, mas ele não tem autorização para manusear. Anderson teve o revólver apreendido.

O coordenador de operações da Guarda Municipal, Carlos Damasceno, esteve na delegacia acompanhando o acusado e informou para a reportagem do Bocão News que só deve se pronunciar na segunda-feira (28), por meio da assessoria de comunicação.

Fonte: Bocãonews
Category: NOTÍCIAS | Views: 890 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa