NOIVO SUSPEITO DE ASSASSINAR PROFESSORA DE INGLÊS É LIBERADO DA PRISÃO NO INTERIOR DA BAHIA - 5 August 2016 - JORGEQUIXABEIRA
Monday, 2016-12-05, 5:39 PM
Welcome Guest | RSS

Menu
Login
Categorias
Cesta
Your shopping cart is empty
Pesquisar
Metereologia
Main » 2016 » August » 5 » NOIVO SUSPEITO DE ASSASSINAR PROFESSORA DE INGLÊS É LIBERADO DA PRISÃO NO INTERIOR DA BAHIA
2:51 PM
NOIVO SUSPEITO DE ASSASSINAR PROFESSORA DE INGLÊS É LIBERADO DA PRISÃO NO INTERIOR DA BAHIA

Na última quinta-feira (4), Cássio Fabrício Carneiro, de 29 anos, acusado de envolvimento na morte da noiva, a professora de inglês Ienata Pedreira Rios, em Riachão do Jacuípe, cerca de 180 km de distância de Salvador, foi liberado da cadeia após passar um mês preso.

Segundo a Delegacia de Polícia de Teofilândia, o prazo de 30 dias para conclusão do inquérito que apura o caso expirou sem que ficasse confirmado o envolvimento de Cássio na morte da noiva. Por conta disso, a Justiça decidiu que o suspeito, continue sendo investigado em liberdade.

Ainda de acordo com a Delegacia de Polícia local, o prazo de 30 dias terminou e algumas perícias não ficaram prontas. Até o momento, não foi levantado uma prova material contra ele. Entretanto, o acusado continua sendo investigado.

Apesar de liberado, Cássio Fabrício terá de seguir algumas condições impostas pela Justiça para que possa responder em liberdade. Ele tem que comparecer à Justiça a cada trinta dias, não pode se ausentar da cidade sem comunicar à Justiça e nem entrar em contato com familiares da vítima ou testemunhas, segundo informações da delegacia local.

Prisão

Cássio Fabrício Carneiro foi preso no dia 6 de julho na cidade de Serrinha, cerca de 170 km de distância de Salvador. Um dia depois, ele teve de ser transferido para a unidade prisional da cidade de Teofilândia, após uma confusão em frente à delegacia em que estava preso.

A motivação do crime ainda é alvo de investigação pela polícia, assim como o possível envolvimento de outras pessoas na morte. O delegado afirmou que três facas foram recolhidas do local do assassinato.

Crime

No dia 3 de julho, a professora Lenata Pereira Rios, foi encontrada morta na tarde na cidade de Riachão do Jacuípe, cerca de 180 km de Salvador. Segundo a polícia, a professora tinha ferimentos de facas pelo corpo e sinais de abuso sexual.
O crime ocorreu no loteamento São José, onde a vítima residia sozinha. Lenata Pereira deixa um filho de um relacionamento anterior.

Category: NOTÍCIAS | Views: 165 | Added by: Michele | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total online: 23
Guests: 23
Users: 0
Sites

Copyright MyCorp © 2016