Terça-feira, 2022-01-25, 7:29 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2013 » Junho » 8 » MULHER ROUBA RECÉM-NASCIDO E MANTÉM MÃE TRANCADA EM SUBSOLO DE CASA EM SÃO PAULO
12:34 PM
MULHER ROUBA RECÉM-NASCIDO E MANTÉM MÃE TRANCADA EM SUBSOLO DE CASA EM SÃO PAULO


Uma mãe de 19 anos que era mantida trancada no subsolo de uma residência em Santo André, na Grande São Paulo, foi libertada pela Polícia Militar na manhã da última quinta-feira. O crime aconteceu depois que a dona da residência, uma mulher de 50 anos, roubou da vítima o filho de apenas quatro dias de vida, de acordo com a polícia. 

A criança, que veio com a mãe do Maranhão, chegou na casa na quarta-feira e seria doada à mulher, de acordo com a SSP (Secretaria de Segurança Pública). O desentendimento entre as duas mulheres começou quando a dona da casa se negou a deixar a mãe a amamentar o bebê, e insistia em alimentá-lo com leite em pó, informou a Polícia Militar.

 Irritada com a insistência da mãe, a mulher tomou a criança a força e prendeu a jovem no subsolo da casa, impedindo que ela saísse ou tivesse contato com o filho. A jovem conseguiu chamar a polícia, pois estava com o celular no bolso no momento em que foi trancada. Ao chegar à residência, no bairro Jardim Cristiane, os policiais escutaram gritos vindos da parte de baixo do imóvel. Os policiais questionaram a dona da residência, que foi obrigada a abrir o cômodo onde a jovem estava trancada. 

A dona da casa foi presa e encaminhada ao 3º Distrito Policial (Vila Pires), de Santo André, onde o caso foi registrado como sequestro e cárcere privado. Ela pagou fiança de R$ 2.712 e foi liberada

Parto 
Nascida no Maranhão, a mãe veio a São Paulo para doar o filho à dona da casa. A mãe possuía o registro da criança e o documento de saída do Hospital da Mulher, localizado na cidade de Coelho Neto. Após liberação, a mãe e o bebê foram encaminhados ao Centro de Referência em Assistência Social, localizado no mesmo centro hospitalar onde a criança nasceu. Em depoimento à polícia, a dona da casa disse que há muito tempo tinha vontade de ser mãe, mas não conseguia por conta da idade. Ela levou aos policiais resultados de um exame de fertilidade. Ela descobriu sobre a gravidez da maranhense e da intenção dela de doar o filho por meio de uma vizinha.

Fonte: Correio

Category: NOTÍCIAS | Views: 246 | Added by: monica | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa