Sábado, 2022-12-03, 6:08 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2014 » Julho » 18 » MORRE AOS 73 ANOS O ESCRITOR BAIANO JOÃO UBALDO RIBEIRO
10:57 AM
MORRE AOS 73 ANOS O ESCRITOR BAIANO JOÃO UBALDO RIBEIRO

Morreu na madrugada desta sexta-feira, 18, aos 73 anos, o escritor baiano João Ubaldo Ribeiro. Ele estava em sua casa, no bairro do Leblon, no Rio de Janeiro, após sofrer uma embolia pulmonar.  O corpo do escritor será velado na Academia Brasileira de Letras (ABL).

Pela tradição, membros da ABL são velados na sede da Academia e enterrados no mausoléu da entidade, no cemitério São João Batista, em Botafogo, zona sul da cidade. A data do enterro ainda não foi definida, pois uma das filhas do escritor está vindo da Alemanha para o Rio. Ele era casado com Berenice de Carvalho Batella Ribeiro, com quem teve dois filhos, Bento e Francisca. Tinha outras duas filhas, Emília e Manuela, de um casamento anterior, com Mônica Maria Roters.

João Ubaldo ocupava a cadeira nº 34 da ABL desde 7 de outubro de 1993, e da Academia de Letras da Bahia (ALB), onde tomou posse em 2012. Ele também era colunista do Jornal A TARDE, onde escrevia aos domingos, no Caderno 2+. A última coluna assinada por ele foi publicada no domingo, 13, com o título "Maus perdedores". A última coluna escrita por João Ubaldo será publicada neste domingo, 20.

Autor de livros como "Sargento Getúlio", "O Sorriso do Lagarto" e o clássico da literatura nacional, "Viva o Povo Brasileiro", João Ubaldo Ribeiro era conhecido por seu interesse em problemáticas sociais e políticas. 

João teve algumas de suas obras adaptadas para o cinema e para a televisão. Em parte delas chegou a participar do processo de criação.

"Sargento Getúlio" ganhou as telas do cinema com direção de Hermano Penna e protagonizado por Lima Duarte. O trabalho chegou a ser premiado em 1983.

O romance "O sorriso do lagarto" foi adaptado para uma minissérie na Rede Globo, tendo como protagonistas os atores Tony Ramos, Maitê Proença e José Lewgoy.

Em 1999, juntamente com Cacá Diegues, escreveu o roteiro de "Deus é Brasileiro", baseado em seu conto "O santo que não acreditava em Deus".

Em 2010, o escritor foi capa da Revista Muito, na edição do dia 28 de fevereiro.

Nascido em Itaparica no dia 23 de janeiro de 1941, João Ubaldo Osório Pimentel Ribeiro morou em Sergipe, Lisboa (Portugal) e Rio de Janeiro, para em seguida voltar à sua terra natal. 

A convite do Instituto Alemão de Intercâmbio, passou um ano em Berlim, na década de 1990, e depois fixou residência no Rio de Janeiro, onde se casou com Berenice de Carvalho Ribeiro.

Formou-se em direito e fez pós-graduação em administração pública pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), além de ter se tornado mestre em administração pública e ciência política pela Universidade da Califórnia do Sul.

Apesar de sua formação acadêmica e de ter ensinado nas faculdades de Filosofia e de Administração da Ufba e da Uscal, João Ubaldo exerceu o ofício de jornalista em diferentes funções: foi repórter, redator, chefe de reportagem e colunista do Jornal da Bahia; colunista, editorialista e editor-chefe da Tribuna da Bahia.  Também contribuía para jornais da Alemanha, Inglaterra, Portugal, São Paulo e Rio de Janeiro. 

Ao longo da carreira, João Ubaldo ganhou diversos prêmios literários, entre eles duas edições do Jabuti (1972 e 1984), como Melhor Autor e Melhor Romance do Ano; Prêmio Anna Seghers (Alemanha, 1996); Prêmio Die Blaue Brillenschlange (Suíça) e Prêmio Camões (1998).

Fonte: A tarde

 

Category: NOTÍCIAS | Views: 249 | Added by: monica01 | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 3
Convidados: 3
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa