Quinta-feira, 2023-02-09, 9:08 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2013 » Janeiro » 11 » MIGUEL CALMON: POLICIAL MILITAR É EXECUTADO NA AV. JOÃO SHAGUN.
9:23 AM
MIGUEL CALMON: POLICIAL MILITAR É EXECUTADO NA AV. JOÃO SHAGUN.


O policial militar Ubiratã Virgílino da Silva, de 32 anos, lotado na 24ª CIPM em Jacobina, foi morto por volta das 20h30 desta quinta-feira em Miguel Calmon. O crime foi cometido na Av. João Shagun, em na frente da Pizzaria e lanchonete Juri, onde a vítima conversava com alguns amigos. Segundo testemunhas, um veículo gol preto teria parado na av e dois elementos desceram e caminharam em direção a vítima, o pegando de surpresa. O policial , que não estava em serviço, não teve chance de defesa, sendo atingido por cerca de doze tiros. O soldado foi baleado  na cabeça, tórax, abdômen e no ombro esquerdo, morrendo instantaneamente no local. Populares relataram que ouviram diversos estampidos, mas não imaginaram que fossem tiros, até que perceberam o corre-corre no local. Vários projéteis atingiram a porta e a parede da lanchonete que estava fechada. Alguns  vararam a porta de ferro e atingiram os eletrodomésticos no interior da pizzaria. Três mulheres que estavam, próximas ao local do crime também foram atingidas. Elas foram socorridas ao Hospital Português onde foram medicadas e segundo informações da unidade de saúde, não correm risco de morte. Em duas delas o tiro pegou de raspão, em outra o tiro transpassou a pele na região da cintura, mas nenhum órgão foi atingido. Populares contaram que o carro usado pelos atiradores aparentemente estava sendo escoltado por uma motocicleta, e que ao fugir do local teria passado por uma viatura da PM que subia a rua. Quando os policiais da viatura foram informados do que havia acontecido, fizeram o retorno e saíram no encalço do gol, mas este não foi mais alcançado. A perícia realizada no corpo do militar apontou que ele foi alvejado por dois tipos de armas diferente, pistola e revólver calibre 38. A arma do PM desapareceu do local, supostamente teria sido levada pelos matadores. Após o crime , uma ampla mobilização das polícias Civil e Militar foi iniciada e realiza rondas nas estradas da região, mas até o momento, segundo consta, ninguém foi identificado e preso até o momento. Ubiratan, filho de seu Manoel João da Silva e dona e Rosa Virgilino da Silva e deixa esposa e filhos. As investigações seguem presididas pelo delegado titular do município Dr Tarcísio Túlio.





Fonte:Bahia Acontece
Category: NOTÍCIAS | Views: 1236 | Added by: monica | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa