Sexta-feira, 2022-12-09, 10:56 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2014 » Julho » 23 » GUANAMBI:MULHER É ESPANCADA E MORTA A TIROS; COMPANHEIRO É SUSPEITO
3:27 PM
GUANAMBI:MULHER É ESPANCADA E MORTA A TIROS; COMPANHEIRO É SUSPEITO

Uma mulher que atuava como taxista no interior da Bahia foi espancada e morta na cidade Guanambi, a 680 km de Salvador. O corpo de Valdivina Vieira Guedes foi encontrado em um matagal na zona rural de Igaporã, cidade a 45 km de Caetité, onde a ocorrência foi registrada. De acordo com o delegado Clécio Magalhães, o principal suspeito do crime é o companheiro da vítima. Segundo ele, o casal morava em Guanambi, onde teria ocorrido o homicídio. "A casa estava revirada, com marcas de sangue e parece até que tentaram lavar. O companheiro dela foi visto com a roupa rasgada e suja de sangue", relatou.

De acordo com a polícia, o corpo da vítima foi encontrado com sinais de tortura e com dois tiros, um na cabeça e outro no braço, no último domingo (20). Após o crime, o suspeito teria fugido com o carro da vítima. O veículo foi localizado na manhã desta quarta-feira (23), no município de Potiraguá, a 100 km de Itapetinga.

Segundo a polícia de Guanambi, onde a investigação é realizada, o companheiro da vítima ficou com medo de sofrer alguma agressão na cidade e resolveu se apresentar na unidade de Itapetinga, que fica a 360 km da cidade, ainda nesta quarta-feira.

"O advogado dele esteve na delegacia nesta manhã e falou que ele vai se apresentar ainda nesta tarde. Segundo ele informou, o suspeito vai confessar o crime", disse o delegado Roberto Júnior, titular de Itapetinga. Ainda não há informações sobre o motivo do crime.

De acordo com a filha da vítima, em depoimento à polícia, o casal tinha aproximadamente três anos juntos e o relacionamento deles era conturbado. Eles moravam na cidade de Guanambi, onde o suspeito trabalhava em uma empresa que presta serviços de terraplanagem na região. Antes de morar com o companheiro, Valdivina Vieira Guedes residia na cidade de Caetité. Ela atuava como taxista na região, mas não possuía licença. Ela deixou dois filhos, ambos maiores de idade, fruto de um relacionamento anterior. Não há informações sobre o enterro da vítima.

Fonte: G1.com/Ba

Category: NOTÍCIAS | Views: 381 | Added by: monica01 | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 3
Convidados: 3
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa