Segunda-feira, 2020-09-28, 9:16 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2015 » Junho » 9 » GRUPO ESPANHOL AMPLIA INDÚSTRIA DE ENERGIA EÓLICA NA BAHIA
9:46 AM
GRUPO ESPANHOL AMPLIA INDÚSTRIA DE ENERGIA EÓLICA NA BAHIA

Estimulada pelos ventos que sopram a favor da economia baiana e incentivada pelo poder público, a cadeia produtiva de energia eólica acaba de receber um novo reforço, com a inauguração da ampliação da planta da Gamesa – empresa espanhola de tecnologia eólica –, na manhã desta segunda-feira (8), em Camaçari.
 


O governador Rui Costa, o secretário de Desenvolvimento Econômico, Jorge Hereda, executivos da empresa e demais autoridades participaram do evento realizado na Rua dos Polímeros, Polo de Camaçari. "Todos somos entusiasmados por esta energia. Uma das nossas prioridades é verticalizar a cadeia produtiva da energia eólica no estado. Além de gerar empregos durante a fabricação, a implantação das torres está dinamizando a economia no semiárido baiano, que recebeu novos hotéis, restaurantes, além do arrendamento das terras para implantar as torres. Uma revolução econômica e social para estas cidades", destacou Rui.
 


Com capacidade produtiva de 30 Megawatts (MW), a Gamesa investiu R$ 30 milhões na expansão inaugurada nesta segunda-feira, com expectativa de gerar 570 empregos até o final do ano, cerca de 90% de mão de obra local. A unidade produzirá naceles, compartimento que abriga todos os componentes essenciais para a produção da energia gerada pelos ventos – o gerador, a caixa de velocidades e o sistema de transmissão.

Entre os fatores que contribuíram para a ampliação, está o contrato firmado em 2014 com a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf) e a Sequoia Energia para o fornecimento de 21 MW de turbinas eólicas aos parques de Coqueirinho e Tamanduá Mirim, localizados no município de Pindaí, sudoeste baiano. A nova linha de produção conclui a segunda etapa do projeto de implantação na Bahia da empresa espanhola, um dos mais importantes grupos industriais do mundo. A primeira consistiu da instalação da fábrica de motores, inaugurada em 2011, com a capacidade para produzir 150 unidades/ano.

 


Incentivos fiscais

De acordo com o diretor da Gamesa no Brasil, Edgard Corrochano, os incentivos fiscais concedidos pelo governo baiano, bem como a qualidade da mão de obra, foram decisivos na viabilização do investimento. “Estudamos os ventos, realizamos medições e observamos que a qualidade do vento da Bahia é extremamente competitiva em relação a outros estados, como o Rio Grande do Norte”.

Para lidar com a tecnologia considerada de ponta, parte dos trabalhadores precisaram passar por treinamento na sede da Gamesa, na Espanha. Entre os colaboradores que viveram a experiência de se capacitar fora do país, um deles é o morador de Camaçari, Cleidson Santos, 28 anos. Há pouco mais de um ano na empresa, ele afirma que pretende desempenhar outras funções e crescer na fábrica. “Foi excelente para a minha vida profissional porque a Gamesa abriu as portas, não só para mim, mas para outras pessoas do município, gerando emprego e renda para a cidade. Participei de um treinamento internacional e estou aqui para dar meu apoio à empresa e receber o retorno dela”, afirmou o montador de naceles. 

Há apenas oito meses atuando como operador de Nacele, Robnilson Santana, 28, também está entusiasmado com o novo desafio profissional. Para ele, que já trabalhou em uma fábrica de pneus, também no Polo de Camaçari, é positiva a possibilidade de atuar em uma indústria que fabrica itens para produção de energia eólica, considerada limpa. “O que me motivou a estar a aqui foi a busca de oportunidades. O mercado de energia eólica é novo, está crescendo, expandindo. Tive a visão futura de que aqui seria próspero para o meu conhecimento e crescimento profissional”.

Pesquisa

Durante a inauguração, Rui Costa informou que na Bahia existe um fundo de pesquisa. “Tenho convidado todas as empresas instaladas da Bahia a participarem deste fundo de pesquisa, que hoje tem R$ 120 milhões. As empresas que investirem em pesquisa na Bahia, também aportaremos um valor deste fundo de pesquisa”. 

O presidente da Gamesa, Ignacio Martin, a presidente da Associação Brasileira de Energia Eólica (ABEEólica), Elbia Silva Gannoum, o prefeito de Camaçari, Adelmar Delgado, entre outras autoridades, também participaram do evento. 

Fonte: SecomBA

Category: NOTÍCIAS | Views: 269 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa