Terça-feira, 2021-12-07, 4:02 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2018 » Junho » 20 » GOIÂNIA: JACOBINENSE MORRE ATROPELADO POR CARRETA APÓS MATAR AMANTE EM QUARTO DE HOTE E DEIXAR CARTA DIZENDO O QUE ACONTECEU
6:20 PM
GOIÂNIA: JACOBINENSE MORRE ATROPELADO POR CARRETA APÓS MATAR AMANTE EM QUARTO DE HOTE E DEIXAR CARTA DIZENDO O QUE ACONTECEU

O ciclista Marcos Lima dos Santos, de 38 anos, natural de Jacobina/Ba, suspeito de matar a namorada, Geane Silva de Oliveira, de 32 anos, em um hotel de Goiânia, escreveu uma carta dizendo que o crime ocorreu após uma briga do casal. No texto, ele também pede desculpas a uma mulher chamada Sônia, que ainda não foi identificada pela Polícia Civil. Após deixar o local, ele morreu em um acidente na BR-153.

"Desculpas, Sônia, por tudo que eu fiz, mas nós estávamos em relacionamento já tinha um ano e estava muito complicado. Nós dois tivemos um desentendimento, uma briga muito feia e acabou nisso, me perdoe”, escreveu.

Geane foi encontrada morta no domingo (17). Segundo a Polícia Civil, a vítima tinha um relacionamento extraconjugal com Marcos e eles estavam no hotel. Ao sair, o ciclista disse à recepcionista que a "namorada estava cansada e que ficaria dormindo até o final da diária”, hora em que foi encontrada pelos funcionários.

Marcos ainda escreveu uma declaração de amor para Geane na parede do quarto de hotel. Na mensagem, ele afirmou que o relacionamento durou um ano e que eram amantes: ‘amor te amo, amante fiel’.

Responsável pela investigação do homicídio, a delegada Magda D’Avila afirma que a carta e a mensagem apontam que Marcos é o autor do crime. "Não tenho dúvida que se trata de um feminicídio. Ela mantinha um relacionamento há um ano com ele, extraconjugal, e outros fatos que confirmam são a carta e o recado na parede. Certamente, ela tentou terminar o relacionamento com ele no hotel, e ele não aceitou", disse ao G1.

A investigadora apurou que a vítima foi morta com uma faca ou outro instrumento parecido. "Ela teve duas lesões no pescoço, duas no rosto e uma no braço, que indica que ela lutou para se defender. Tudo indica que o autor premeditou o homicídio porque foi localizado no quarto veneno de rato. Há indícios de que ele também furtou e descartou o cadastro deles do hotel, então a gente acredita que ele também premeditou uma fuga”, avalia a delegada.

Os peritos coletaram material biológico dos corpos da mulher e do homem para saber se algum deles consumiu o veneno.

Ainda de acordo com Magda, o furto da ficha é apurado pela corporação com base no depoimento de uma funcionária do hotel. Segundo a delegada, o homem pediu uma toalha e um sabonete na recepção e, quando a servidora foi buscá-los, ele pode ter aproveitado e pegado o documento, que não foi encontrado na investigação.

Testemunhas

A delegada começou a ouvir testemunhas na manhã desta segunda-feira (19). Ela colheu o depoimento do dono do hotel, que contou que o casal chegou ao local no sábado (17). "O dono do hotel disse que ele chegou no sábado as 10h, reservou o hotel, ficou ali na recepção meio atordoado, saiu e voltou com ela, disse que ela estava normal, ou seja, chegou no hotel por livre e espontânea vontade", contou Mágda.

A polícia suspeita que Marcos pode ter cometido o crime na noite de sábado. "O Marcos pediu uma comida e, quando o dono foi levar no quarto, deu para perceber, pela fresta da porta, que a vítima estava deitada na mesma posição, coberta com o lençol, na mesma posição que o dono a encontrou morta no dia seguinte”, contou.

Acidente

Já a delegada Nilda Andrade, titular da Delegacia Estadual de Investigação de Crimes de Trânsito (Dict), está responsável por investigar a morte de Marcos, na manhã de domingo (17), após sair do hotel. Segundo a investigadora, o ciclista seguia pela contramão da BR-153, mudou bruscamente de pista e foi atingido por um caminhoneiro.

Nilda apura se o homem se jogou na frente do veículo. O motorista do caminhão, que não se feriu no acidente, prestou depoimento nesta segunda-feira (18) e disse que tentou desviar, mas não houve tempo hábil. "As investigações prosseguem no sentindo de saber se foi o Marcos que deu causa ao acidente ou o motorista do caminhão. Vamos ouvir testemunhas, o exame pericial já foi realizado, vamos reunir as provas e o exame taxológico do Marcos para saber se ele consumiu o veneno antes de ocorrer o acidente", explicou Nilda.

Fonte: G1 Goiás

Category: NOTÍCIAS | Views: 796 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 3
Convidados: 3
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa