Domingo, 2022-08-14, 3:17 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2015 » Julho » 20 » FEIRA DE SANTANA: SINCOL RELATA PROBLEMAS E PREJUÍZOS DO TRANSPORTE PÚBLICO
3:35 PM
FEIRA DE SANTANA: SINCOL RELATA PROBLEMAS E PREJUÍZOS DO TRANSPORTE PÚBLICO

Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Feira de Santana (Sincol) informou na manhã desta segunda-feira (20) que as empresas foram submetida no ano passado a vistorias da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) e de empresa de inspeção veicular. Após a inspeção, segundo o Sincol, nenhum veículo foi autorizado a operar com pendência de item de segurança.

 

O Sindicato reclama que as condições precárias das vias de quase todas as linhas da cidade, além das fortes chuvas, têm causado elevado índice de quebra dos ônibus, atrasos, queima de viagens (veículos atolados), etc, gerando insatisfação dos usuários com o transporte coletivo da cidade.

Em contato com o Acorda Cidade o Sincol listou as principais linhas afetadas: Pedra Ferrada, Asa Branca, Jaíba, Campo do Gado, Aeroporto/Santo Antonio/Brandão, Aviário, Mirassol/Mangabeira, Campo Limpo, Novo Horizonte, Mantiba, São José, Solar da Princesa, Três Riachos, Terra Dura e Tanquinho.

De acordo com o sindicato, as empresas concessionárias de transporte coletivo tiveram gasto de mais de R$ 1,6 milhão apenas com manutenção (peças e pneus), nos últimos três meses, além de possuir um quadro de 167 funcionários dedicados à manutenção.

“As empresas, apesar de todas as dificuldades, vêm concentrando esforços para manter a frota em condições de uso. Tendo em vista, que em 2013 a tarifa foi reduzida e permaneceu por quase dois anos sem reajuste, o que ocasionou elevado prejuízo. Ao longo dos anos de 2014 e 2015, as empresas tiveram prejuízo de mais de 15 milhões, cujo processo tramita na Justiça na Vara da Fazenda Pública. Os problemas financeiros forçaram as empresas a entrarem em Recuperação Judicial no mês de maio/2015”, relata Roque Gomes presidente do Sincol por meio de nota. 

Fonte: Acordacidade

Category: NOTÍCIAS | Views: 358 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 14
Convidados: 14
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa