Domingo, 2022-11-27, 6:48 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2014 » Novembro » 13 » FEIRA DE SANTANA :PRF E VIGILÂNCIA SANITÁRIA APREENDEM MEDICAMENTOS CLANDESTINOS
8:49 AM
FEIRA DE SANTANA :PRF E VIGILÂNCIA SANITÁRIA APREENDEM MEDICAMENTOS CLANDESTINOS

A Polícia Rodoviária Federal localizou um depósito clandestino de medicamentos fitoterápicos (plantas medicinais) na tarde desta quarta-feira (12), após realizar uma abordagem de rotina na BR-116 Sul, em Feira de Santana.

De acordo com o PRF Bruno, um homem, que transportava medicamentos sem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), foi abordado e durante o interrogatório informou que a mercadoria foi adquirida em uma distribuidora localizada na Avenida Rio de Janeiro, no DNER. Ao chegar ao local, com o apoio de uma equipe da Divisão de Vigilância Sanitária, os policiais encontraram uma grande quantidade de medicamentos sem registro.

“O condutor do veículo disse que comprava os medicamentos para revendê-los em cidades do interior. Todo medicamento precisa do registro. Quem pratica o ato de não ter esse registro é tipificado no artigo 273 do Código Penal Brasileiro.  É um crime grave contra a saúde da população e tem pena mais grave que a do tráfico de drogas. A pena é de 10 a 15 anos de reclusão”, informou o PRF.

A chefe da Divisão de Vigilância Sanitária, Késsia Carneiro, confirmou que se tratavam de produtos clandestinos por não terem registro na ANVISA. Segundo ela, os medicamentos possuem indicação de uso como, por exemplo, para curar diabetes, mas na realidade não promovem o que prometem.

“Os produtos estavam sem registro nenhum, caracterizando a clandestinidade. É difícil dizer o que possui nestes produtos porque não passam por análise em laboratórios. Não sabemos o que tem ali, mas sabemos que não promovem o que oferecem”, disse Késsia, ressaltando que a população também pode ajudar no combate aos medicamentos clandestinos denunciando na sede da Vigilância Sanitária, localizada na Secretaria Municipal de Saúde (Av. João Durval), ou através do telefone: 75 3612-6615. “Qualquer cidadão pode denunciar para garantir a segurança da saúde pública”, concluiu.

O delegado Madson Pereira Sampaio, titular da 2ª Delegacia, informou que vai avaliar a decisão a ser tomada em relação ao fato. O proprietário do depósito não foi encontrado, apenas dois gerentes. Os medicamentos serão periciados e possivelmente incinerados em Salvador.

Fonte:  Acorda Cidade.

Category: NOTÍCIAS | Views: 288 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa