Quarta-feira, 2023-02-01, 5:02 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2015 » Outubro » 30 » “EXISTE NO PAÍS A SÍNDROME DA CANETA”, DIZ RUI COSTA
10:26 AM
“EXISTE NO PAÍS A SÍNDROME DA CANETA”, DIZ RUI COSTA

O governador voltou a falar sobre a reunião com ministros do Tribunal de Contas da União (TCU), nesta quinta-feira (29), quando ele e uma comitiva discutiram as obras da Ferrovia Integração Oeste-Leste (Fiol). Segundo o gestor estadual, agentes públicos estão retardando a continuidade das obras por causa dos órgãos de controle.

"Existe no País a síndrome da caneta. Ninguém quer assinar mais nada temendo que os órgãos de controle considerem todos corruptos. O país está parando e a economia estagnando por causa desses entendimentos. Controle não pode ser obstáculo", definiu.

Sobre a reunião, o governador baiano informou que os ministros do TCU classificaram as discussões em torno da obra como “mal entendido”. "Saímos felizes porque conseguimos mostrar que essa obra é importante. Foi pensada pela primeira vez há 50 anos e não poderia ser colocada em dúvida", resumiu.

Nesta quarta-feira (29), o TCU informou à reportagem do Bocão News que “não recomendou a paralisação ou a alteração do traçado da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), mas orientou que os órgãos envolvidos avaliassem a relação custo-benefício da execução da obra completa ou de seus segmentos”. No entanto, o governador discordou da informação. "Li a recomendação atentamente e nas primeiras oito paginas vi, diversas vezes, a palavra determinação. Eram argumentos fragilíssimos que desmontei com dois argumentos. Ao invés de críticas, o relatório deveria ter elogios", completou Rui Costa. "Queriam arrumar cabelo em cabeça de ovo", disse, ainda, em referência à antecipação da compra dos trilhos.

O governador ainda criticou a condução do processo. “Economizamos porque compramos quando o dólar valia R$ 2. Devia ter no edital do concurso que antes de assumir um cargo técnico nk Tribunal, essas pessoas deveriam ter conduzido uma obra".

A recomendação de Rui Costa foi endossada pelo senador Otto Alencar (PSD). O congressista afirmou que vai preparar um projeto de lei que estabelece nos editais que técnicos do TCU tenham coordenado uma obra antes de assumir o cargo para evitar entendimento distorcido e falta de conhecimento.

Fonte: Bocaonews 

Category: NOTÍCIAS | Views: 306 | Added by: tainá | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 6
Convidados: 6
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa