Quarta-feira, 2020-09-23, 3:04 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2011 » Janeiro » 6 » DESVENDADO O FALSO ROUBO DA LOJA DO PONTO FRIO DE ITAPETINGA
10:26 AM
DESVENDADO O FALSO ROUBO DA LOJA DO PONTO FRIO DE ITAPETINGA
http://1.bp.blogspot.com/_rX8vT1wjSfw/TSTYpSyid2I/AAAAAAAAANA/TRzuwT1lteI/s320/DSC03302.JPG
Durou pouco mais de 26 horas a farsa construída pelo gerente da Ponto Frio de Itapetinga, de que o malote da loja, contendo 45 mil reais, fora roubado por dois rapazes a bordo de uma motocicleta.
Julimar Nunes da Silva, de 41 anos de idade, registrou ocorrência na delegacia afirmando que no momento em que se dirigia ao Bradesco para fazer depósito, por volta de 13:45h, de terça-feira (04), juntamente com o funcionário Ycaro Freire Carmo, na esquina da Alameda Rui Barbosa, teve o malote da loja roubado e que os 02 indivíduos fugiram em uma motocicleta de cor preta. Como sempre, 02 indivíduos em uma moto de cor preta.
Ao tomar conhecimento da versão do gerente da Ponto Frio, o delegado titular e coordenador interino, Roberto Júnior, acompanhado de sua equipe, passou a investigar o caso. De imediato, realizou diligências em vários bairros da cidade a fim de prender os assaltantes, não logrando êxito.
Na manhã desta quarta-feira (05), os funcionários e também o gerente da loja foram ouvidos no Complexo Policial.
O delegado passou a desconfiar da versão apresentada por Julimar, principalmente no que se referia ao local e horário do suposto assalto:
"Era um local e horário que todos poderiam ter visto o possível assalto. Ninguém presenciou o crime”, disse o delegado, esclarecendo que o funcionário Ycaro Freire Carmo foi induzido por Julimar para falar que estava em sua companhia.
Em princípio, Julimar Nunes da Silva, funcionário da Ponto Frio há 03 anos, mantinha a afirmação do assalto, mas diante das contradições resolveu contar toda a verdade. O gerente alegou que se apropriou da quantia de 5 mil da loja e depois criou a farsa de um assalto de 45 mil e 700 reais. Essa quantia corresponde ao valor que ele vinha retirando da tesouraria da loja já há algum tempo.
http://4.bp.blogspot.com/_rX8vT1wjSfw/TSTYL3NxmjI/AAAAAAAAAM8/kylkwqgQX2o/s320/DSC03300.JPG
"Estou passando por dificuldades financeiras e por isso que fiz as retiradas. Tinha a intenção de repor o dinheiro com um crédito pessoal que tenho para receber”, revelou o gerente, detalhando onde guardara o dinheiro apropriado, mais precisamente no porta-malas do seu veículo Fiat/Pálio.
Roberto Júnior apreendeu o dinheiro (5 mil e 160 reais) no porta-malas do veículo, estacionado em frente à Loja Ponto Frio.
Todo o dinheiro foi contado na presença do supervisor de lojas da Ponto Frio, o senhor Gilson de Jesus Pereira, que acompanhou o desenrolar das investigações.
Além da apropriação indébita, o gerente da Ponto Frio também responderá por falsa comunicação de crime.
Category: NOTÍCIAS | Views: 594 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa