Domingo, 2021-11-28, 6:55 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia
Main » 2012 » Julho » 29 » DEP. PEDRO TAVARES APRESENTA PROJETO EM DEFESA DO CONSUMIDOR
10:30 PM
DEP. PEDRO TAVARES APRESENTA PROJETO EM DEFESA DO CONSUMIDOR


Com o objetivo de promover os direitos dos consumidores, o deputado Pedro Tavares (PMDB) apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa que dispõe sobre a inexigibilidade de multa ou encargo por atraso dos boletos bancários, documentos de cobrança ou similares, por parte dos credores públicos e privados, enviados por correspondência para clientes residentes no estado da Bahia, quando o recebimento se dê após a data de vencimento.

Pedro Tavares justificou a proposta afirmando que o recebimento de boletos bancários e documentos afins em suas residências com prazo de pagamento já vencido é uma situação comum enfrentada pelos consumidores, causando inúmeros transtornos para o regular pagamento, inclusive arcando os clientes com multas e encargos por atraso a que, sob análise alguma, deram causa. "Dessa forma, espera-se a promoção do maior equilíbrio nas relações de consumo, fazendo com que os credores busquem a postagem das faturas aos seus clientes com maior antecedência, tornando as relações comerciais mais seguras e menos abusivas, neste ponto", afirmou o deputado.

Segundo o projeto de lei, o consumidor fica desobrigado do pagamento de multas ou encargos por atraso, devendo, para tanto, efetuar o pagamento respectivo até o primeiro dia útil seguinte à data do efetivo recebimento. O projeto define que é dever do consumidor fazer prova de que o recebimento do documento de cobrança ou similar se deu após a data do vencimento previsto.

Já o credor que descumprir o disposto, cobrando multas ou encargos por atraso do con-sumidor de forma indevida, pagará indenização em valor equivalente à cobrança ou seu dobro se já tiver sido efetuado o pagamento pelo cliente, além de multa fixada pelo Estado.

Fonte: Diário Oficial/Odília Martins

Category: NOTÍCIAS | Views: 337 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 3
Convidados: 3
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa