Sábado, 2019-12-07, 8:15 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2011 » Janeiro » 20 » COMEÇA A FUNCIONAR AINDA ESTA SEMANA O SISTEMA QUE IRÁ MONITORAR A DENGUE
6:12 PM
COMEÇA A FUNCIONAR AINDA ESTA SEMANA O SISTEMA QUE IRÁ MONITORAR A DENGUE

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, afirmou nesta quarta-feira (19) que o sistema para monitoramento de casos de dengue com dados atualizados deve passar a funcionar a partir desta semana. O sistema será abastecido semanalmente com informações de casos de dengue, e diaramente com as mortes provocadas pela doença.

Padilha recebeu nesta quarta (19) secretários e representantes das secretarias de saúde dos 16 estados com risco "muito alto" de epidemia de dengue, de acordo com levantamento do ministério divulgado na semana passada. O ministro aproveitou para apresentar o sistema aos secretários.

"Viemos apresentar o sistema de monitoramento semanal dos casos de dengue e diário das suspeitas de óbito por dengue, sobretudo com foco nos municípios de mais alto risco. Eu estou inclusive revendo a portaria que orienta o processo de notificação. Nós devemos publicar o mais rápido possível", afirmou.

Os 16 estados considerados com risco "muito alto" são Acre, Amazonas, Pará, Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia, Tocantins, Mato Grosso, Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Segundo ele, o sistema contará com o auxílio de uma nova ferramenta, em fase de implantação: o site Dengue Online, que ainda não está no ar.

"Nós estamos implantando também uma nova ferramenta para auxiliar esse monitoramento, o que não significa que a gente não possa fazer esse monitoramento através do contato telefônico e via e-mail, que já estamos fazendo", disse Padilha.

Dinheiro

O ministro também afirmou que não irá especular sobre possíveis cortes que a saúde pode sofrer dentro das ações que vem tomando a presidente Dilma Rousseff.

"A presidenta e a ministra do Planejamento (Miriam Belchior) deixaram muito claro que qualquer corte é especulação que está sendo feita, e nós não entramos nessa bolsa de especulação", disse.

Segundo ele, as ações contra a dengue no início deste ano devem ser garantidas por dinheiro do Teto Financeiro de Vigilância em Saúde (TFVS) dos estados, ainda referente ao ano passado.

"Tem um conjunto de recursos do teto de vigilância do ano passado que não estava sendo executado, que é o que vai garantir as ações de janeiro e fevereiro. Tinha cerca de R$ 200 milhões do teto de vigilância de vários estados", explicou.

"Não vai ser por falta de recursos que nós vamos deixar de estruturar uma rede de atenção forte para garantir o combate à dengue", declarou o ministro, defendendo a participação de diversos setores da sociedade na campanha contra a doença.
Category: CIÊNCIA | Views: 605 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 13
Convidados: 13
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa