Sábado, 2020-10-24, 9:19 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Metereologia
Main » 2011 » Janeiro » 27 » CLIENTE PERDE A PACIÊNCIA, QUEBRA PODUTOS E AGRIDE POLICIAL NA LOJA INSINUANTE
6:06 PM
CLIENTE PERDE A PACIÊNCIA, QUEBRA PODUTOS E AGRIDE POLICIAL NA LOJA INSINUANTE

Um cliente da Loja Insinuante foi preso após quebrar produtos dentro do estabelecimento comercial, insultar funcionários e agredir policial militar com soco no rosto na tarde desta quarta-feira, 26. O homem, cuja identidade ainda é desconhecida, chegou à loja, localizada na Praça Desembargador Montenegro, em Camaçari, para realizar a troca de um armário com defeito, mas perdeu a paciência depois de passar muito tempo aguardando para ser atendido.


Um funcionário da loja, que não quis se identificar, contou que o homem quebrou uma mesa de centro, ficou pulando de sofás para sofás e subiu em várias mesas, gritando ofensas aos funcionários. "Ainda bem que ele não tentou nada contra nenhum funcionário. Mas foi um susto e tanto. Ficamos com medo e chamamos a polícia”, lembra.

Com a chegada da Guarnição Oficial de Operações, do 12º Batalhão da Polícia Militar, a confusão só piorou. Muitos curiosos se aglomeraram na frente da loja, o que deixou o cliente insatisfeito ainda mais nervoso. Ao tentar ser detido, reagiu desferindo um soco em um dos policiais, quebrando os óculos que o agente usava.

A polícia também aderiu ao uso da força e imobilizou o cliente, que, segundo o funcionário da loja, saiu do estabelecimento desmaiado. No meio da confusão, uma outra viatura da PM chegou para dar reforço. Foi nesta hora que a confusão chegou ao ápice da tarde.
Um dos curiosos gravava a cena com um aparelho celular e um policial militar que chegou na segunda viatura ordenou que ele parasse de registrar a ação. "O cara do celular disse que o aparelho era dele e chamou o policial de ‘véio’. O PM deu um tapa na cara dele e levou ele preso”, disse Jobel de Jesus, que testemunhou o fato.

De acordo com o soldado Miguel, o homem que estava gravando a cena foi levado na viatura porque desacatou a autoridade policial. Jobel não concordou com a atitude do policial. "O celular era dele. Aquilo foi abuso de poder”, avalia. Jair Expedito, que também viu tudo, comentou a atitude do cliente. "O cliente perdeu a cabeça e foi errado por agredir o policial. Mas a culpa também é da loja. Na hora de vender, eles tratam a gente bem. Quando alguém aparece pra reclamar, o tratamento é outro. Fazem o cara de besta”, declara.  

A viatura da PM conduziu os dois, primeiro para o Hospital Geral de Camaçari (HGC), onde o cliente foi medicado, e em seguida para a 18ª Circunscrição Policial (Delegacia de Camaçari), para ambos prestarem esclarecimento.  O incidente aconteceu por volta das 15h30 e, depois de 20 minutos de portas baixadas, a Insinuante voltou a funcionar normalmente.

Category: NOTÍCIAS | Views: 682 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 2
Convidados: 2
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa