Terça-feira, 2022-11-29, 9:23 AM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2013 » Outubro » 25 » CAPIM GROSSO: FAMÍLIA DA FAZENDA COLÔNIA PASSA POR PRIVAÇÕES E A CASA ESTÁ PRESTES A DESABAR.
6:06 PM
CAPIM GROSSO: FAMÍLIA DA FAZENDA COLÔNIA PASSA POR PRIVAÇÕES E A CASA ESTÁ PRESTES A DESABAR.


Os repórteres Milton Santos, da Rádio Prgoresso AM e Adelson Oliveira, da Rádio Contorno FM estiveram no início da tarde desta quinta-feira, 24, visitando uma residência na comunidade denomidada Colônia, zona rural de Caím Grosso, a fim de constatar uma informação que chegou até os mesmos e dava conta que a família passava por grandes dificuldades, informação esta confirmada pelos repórteres quando da visita.

 

Eles forma recebidos pela senhora Ambrosina Alves dos Santos, 37 anos, que na ocasião se encontrava sozinha em casa mas informou que era casada com o senhor Edivaldo Oliveira de Jesus, 35 anos e tinham 4 filhos com idades de 11, 14, 16 e 18 anos. Destes, 3 ainda continuam estudando apesar das dificuldades.


Dona Ambrosina relatou que ela não trabalha,  o esposo é lavrador,  mas com a seca que assola a região ele raramente encontra oportunidade para desempenhar suas funções. Pela pouca instrução que possui, o senhor Edivaldo também não encontra espaço em outras áreas.


Toda a renda que as 6 pessoas que moram na casa dispõe é oriunda do programa Bolsa Família, no valor de R$ 250,00 (duzentos e cinquenta reais) o que é insuficiente até mesmo para  uma alimentação digna. Ambrosina resumiu em uma frase a situação ao afirmar que com este valor "mal da pra comer".


Ainda assim a maior preocupação de todos está voltada para a residência, construida a aproximadamente 35 anos utilizando-se de adobe e taipa estando a mesma completamente deteriorada. Os relatos da moradora dão uma dimensão do problema: "Essa casa não suporta chuva. Quando o tempo começa a ficar nublado agente já fica com medo porque do jeito que está ai, se chover, cai a qualquer momento. Temos que sair correndo e nos abrigar em outro lugar". Segundo o que foi observado pelos profissionais de imprensa, a única solução para o problema é a domolição total e a reconstrução da residência.

 

Apesar da casa possuir água encanada e energia elétrica, dona Ambrosina diz que o problema é o fato de ter de pagar por esses serviços em meio as dificuldades financeiras enfrentadas pela família. Também existem necessidades quanto ao vestuário. Portanto, as doações em forma de materiais para construção, mão de obra, alimentos, roupas e etc, serão muito bem vindas.

Depoimento emocionado:


Quando Milton e Adelson já estavam de saída ainda ouviram o último apelo de dona Ambrosina: "Tenho uma filho, o caçula, que fará aniversário no próximo domingo  gostaria de presenteá-lo com algo e não posso, Isso me dói muito porque ele sempre fala ganhar de presente uma bicicleta e sei que nunca poderei atender esse pedido, aliás, nem esse e nem qualquer outro"

 

Aqueles que porventura puderem fazer alguma doação pode entrar em contato com Milton Santos: 9109 - 7773 / Adelson Oliveira: 9191 - 4679 / Sione Santos: 9110 - 4796 / Jorge Quixabeira: 9114 - 0557.

 

Texto e fotos: Milton Santos./Colaboração: Adelson Oliveira e Rádio Contorno FM.

Category: NOTÍCIAS | Views: 641 | Added by: lucicleia | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 1
Convidados: 1
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa