Domingo, 2018-07-22, 3:16 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
Pesquisar
Main » 2011 » Maio » 22 » CAPIM GROSSO: ALUNOS PRECISAM PAGAR DEZ CENTAVOS POR UM COPO PARA RECEBER MERENDA
6:09 PM
CAPIM GROSSO: ALUNOS PRECISAM PAGAR DEZ CENTAVOS POR UM COPO PARA RECEBER MERENDA

Na semana em que as denúncias do Fantástico sobre o descaso com a merenda escolar em escolas públicas chocaram o país, Capim Grosso dá um exemplo capaz de gerar ainda mais indignação. Alunos de escola da rede pública municipal são obrigados a pagar R$0,10 por um copo descartável para receber a merenda. O fato vem se repetindo desde o mês de março na Escola Edvaldo Boaventura que fica a poucos metros da Secretaria de Educação, da Prefeitura Municipal e do Ministério Público. Apesar do fato ser de conhecimento da Secretária de Educação, a prática não foi eliminada nem punida. Os conselhos da Merenda, do FUNDEB e da Educação, que têm o dever de acompanhar tais situações, nunca trataram do assunto. Por esta razão, professores da escola procuraram nossa redação para denunciar esta situação vergonhosa.

Os professores apresentaram várias situações irregulares sobre a distribuição de merenda na escola como as que ilustramos a seguir:

No dia 17 de maio, um aluno se dirigiu à cantina da Escola Edivaldo Boaventura para receber a merenda escolar, naquele dia a escola servia Arroz Doce. O aluno não trouxe um copo de casa e foi avisado pela merendeira que não receberia a merenda a menos que ele comprasse um copo descartável que ela mesma vende por R$0,10 (dez centavos). O aluno disse que não tinha o dinheiro e que estava com fome. A merendeira mandou que a criança fosse pedir um copo usado de algum colega. O aluno se recusou a reutilizar um copo e insistiu no pedido para receber a merenda. A merendeira de nome Perpétua disse ao menino que, somente daquela vez,  lhe daria a merenda num prato, porém, ele deveria comer com a mão, se assim quisesse, já que não havia colher para uso dos alunos.  Um outro aluno do 8º ano (7ª Série) pediu a sua professora que lhe emprestasse os R$0,10 pois ele tinha fome e queria comer a merenda.

Esta não foi a primeira vez que a situação aconteceu na escola Edivaldo Boaventura. Em março, professores procuraram a Secretaria de Educação para denunciar a prática. A secretaria enviou alguns fardos de copos decartáveis para a escola que foram suficientes para distribuição por algumas semanas. Como os copos se esgotaram e a prefeitura ainda não providenciou a compra de copos e talheres para uso permanente pelos usos, as merendeiras voltaram a faturar com a venda dos descartáveis.

Esperamos que as autoridades competentes venham a tomar as devidas providências para sanar o problema.

Fonte: Capimgrosso.net

Category: NOTÍCIAS | Views: 582 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 8
Convidados: 8
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa