Domingo, 2021-12-05, 2:58 PM
Welcome Convidado | RSS

Menu
Login
Categorias
ESPORTES
noticias do esporte
NOTÍCIAS
informação
EVENTOS CULINÁRIA
HUMOR CURIOSIDADES
CIÊNCIA ANIVERSÁRIOS
PUBLICIDADE CARNAVAL
Notícias do carnaval baiano
PEGADINAS
HUMOR
Pesquisar
Metereologia

Main » 2012 » Junho » 29 » CANDIBA: PROFESSOR DE MATEMÁTICA MATA PAI DE ALUNA APÓS ESTE DESCOBRIR RELACIONAMENTO AMOROSO
9:24 AM
CANDIBA: PROFESSOR DE MATEMÁTICA MATA PAI DE ALUNA APÓS ESTE DESCOBRIR RELACIONAMENTO AMOROSO


Um professor de matemática do município de Candiba, a 826 km de Salvador, matou a tiros o pai de uma de suas alunas, de apenas 16 anos. Segundo informações da Polícia Civil, Edmar Gonçalves da Silva, 58 anos, atirou contra o comerciante Adevaldo Pereira da Silva, depois da vítima ter descoberto o relacionamento que o professor manteve com sua filha.

"Há uns dois anos, quando a adolescente tinha entre 13 e 14 anos, Edmar era professor da jovem e namorava com ela, mas o relacionamento já havia acabado", afirmou o delegado Arilano Botelho, delegado titular da delegacia de Candiba e responsável pelas investigações.

Ainda de acordo com o delegado, há algum tempo, o professor voltou a ligar para a adolescente, que hoje mora em Montes Claros, e começou a ameaçá-la. "Ele dizia para a jovem que se ela não reatasse o relacionamento, ele divulgaria fotos comprometedoras dela", explicou Botelho.

O professor Edmar foi a Montes Claros e a adolescente ligou para a polícia. Ele foi encaminhado para a delegacia e seu computador e outros objetos pessoais foram apreendidos para investigações. "Ainda não sabemos ao certo o que ele fez em Montes Claros, porque ele se recusou a dizer alguma coisa em seu depoimento, mas já mantivemos contato com a polícia de lá", disse o delegado.

Na última terça-feira (26), o comerciante e pai da adolescente, Adevaldo, recebeu um telefonema e logo em seguida saiu de casa carregando uma barra de ferro, para a casa do professor. Em frente à casa de Edmar, a vítima conseguiu agredir o professor, que sacou uma arma e atirou duas vezes contra o comerciante.

Edvaldo morreu na hora. Quando os policiais chegaram ao local, o professor Edmar tentou fugir, mas acabou sendo preso. Preso em flagrante, ele foi autuado por homicídio qualificado, porte ilegal de arma, receptação, já que a arma era roubada, e resistência a prisão.

"As investigações apontaram que ele premeditou o assassinato porque ele admitiu que andava armado há algum tempo e provavelmente foi ele quem fez a ligação para a vítima", afirmou o delegado. O inquérito será finalizado em dez dias e encaminhado para o Ministério Público.


Fonte: Correio24horas

Category: NOTÍCIAS | Views: 896 | Added by: jorge | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total Online: 5
Convidados: 5
Usuários: 0
Sites
Cursos Online Profissionalizantes
Cursos Online 24 Horas - Certificado Entregue em Casa