BRASIL GOLEIA A BOLÍVIA POR 5 A 0 NAS ELIMINATÓRIAS - 7 October 2016 - JORGEQUIXABEIRA
Wednesday, 2016-12-07, 7:10 PM
Welcome Guest | RSS

Menu
Login
Categorias
Cesta
Your shopping cart is empty
Pesquisar
Metereologia
Main » 2016 » October » 7 » BRASIL GOLEIA A BOLÍVIA POR 5 A 0 NAS ELIMINATÓRIAS
8:57 AM
BRASIL GOLEIA A BOLÍVIA POR 5 A 0 NAS ELIMINATÓRIAS
 
 
 
Reviewed by: 
Rating:
5
 
On sexta-feira, 7 de outubro de 2016
Last modified:sexta-feira, 7 de outubro de 2016
 
 

Summary:

Brasil goleia a Bolívia por 5 a 0 nas Eliminatórias

 

Uma exibição de gala, digna de aplausos, capaz de resgatar a confiança do torcedor brasileiro na Seleção. Tudo bem que o adversário era a Bolívia, mas o time do técnico Tite fez por merecer e goleou por 5×0 na noite desta quinta-feira (6), na Arena das Dunas, em Natal. A terceira vitória em três jogos do comandante no comando da equipe. É só o começo.

O duelo em Natal foi o 50º da equipe verde e amarela como mandante nas Eliminatórias. Além dos três pontos, uma invencibilidade estava em jogo. O desempenho era de 37 vitórias e 12 empates, com 127 gols marcados, apenas 26 sofridos. Aproveitamento de 83,7%. A derrota viria agora? Não!

E o recado veio com apenas 10 minutos de jogo. Neymar roubou a bola no meio-campo e tocou na frente para Gabriel Jesus. O atacante devolveu para o camisa 10 que, de primeira, só empurrou para as redes. Foi gol número 300 da carreira de Neymar, 24 anos, que estreou como profissional no dia 7 de março de 2009.

Depois de 15 minutos, o segundo. Depois de um lindo toque de letra do baiano Daniel Alves, Giuliano invadiu a área, deixou Zenteno no chão e tocou para Philippe Coutinho. O meia só deu um “tapinha” de pé direito e tirou do goleiro.

Melhor do Brasil no confronto, Neymar se envolveu numa pequena confusão com Azogue. Cartão amarelo para os dois. Com isso, o brasileiro está suspenso para a partida de terça-feira, contra a Venezuela. Ao menos está garantido no clássico diante da Argentina, dia 10 de novembro, no Mineirão, em Belo Horizonte.

Com autoridade e um futebol de primeira linha, a equipe de Tite não parou de atacar e foi em busca do terceiro gol. Caçado em campo, Neymar fez fila e deu um passe com açúcar para Filipe Luís. De cara com o goleiro Lampe, o substituto do suspenso Marcelo chutou rasteiro, no cantinho.

Ainda cabia mais antes do intervalo. Endiabrado, Neymar acabou com a zaga boliviana ao dar outro passe perfeito, dessa vez para Gabriel Jesus. Com maestria, o garoto deu um toquinho por cima do goleiro. Gol e festa da torcida na Arena das Dunas.

Segundo tempo

Engana-se quem pensa que o Brasil diminuiu o ritmo depois da chuveirada. Bem entrosado, o time seguiu pressionando em busca do quinto gol. Iluminado, Neymar passou fácil por Zenteno e mandou uma bomba para o gol. Lampe defendeu e a bola sobrou para Giuliano, que concluiu sem muita precisão. Logo depois, Neymar cruzou para Gabriel Jesus, que mandou de cabeça nas mãos do camisa 1 rival. O último lance dos dois, substituídos por Willian e Roberto Firmino, respectivamente.

Com o cabelinho no melhor estilo Wesley Safadão, Firmino deixou a marca dele depois da cobrança de escanteio de Coutinho. Testada firme, no chão, como manda o manual do bom centroavante.

Lucas Lima ainda entrou na vaga de Giuliano, mas já estava de bom tamanho. Goleada e muitos aplausos da torcida.

O próximo jogo da Seleção será na terça-feira, às 21h30, contra a lanterninha Venezuela, em Mérida. Os rivais, em nove jogos, ainda não venceram na competição. O Brasil é o segundo colocado das Eliminatórias, com 18 pontos. A liderança é do Uruguai, com 20, que venceu a Venezuela por 3×0.

FICHA DO JOGO:

Brasil: Alisson, Daniel Alves, Marquinhos, Miranda e Filipe Luís; Fernandinho, Philippe Coutinho, Giuliano (Lucas Lima), Renato Augusto e Neymar (Willian); Gabriel Jesus (Firmino). Técnico Tite

Bolívia: Lampe, Rodríguez, Raldes, Zenteno e Bejarano; Meleán, Azogue, Arce (Rodrigo Ramallo) e Jhasmani Campos (Joselito Vaca); Duk (Pablo Escobar) e Marcelo Moreno. Técnico Ángel Hoyos

Estádio: Arena das Dunas
Gols: Neymar, aos 10, Philippe Coutinho, aos 25, Filipe Luís, aos 38, e Gabriel Jesus, aos 43 minutos do 1º tempo; Firmino, aos 29 minutos do 2º tempo.
Cartão amarelo: Neymar; Meleán e Azogue
Público: 30.013 pagantes
Renda: R$ 4.307.145,00
Árbitro: Wilson Lamouroux, auxiliado por Alexander Guzman e Eduardo Díaz (trio da Colômbia).

Category: ESPORTES | Views: 73 | Added by: Milena | Rating: 0.0/0
                                 
Anúncios
Estatística

Total online: 44
Guests: 44
Users: 0
Sites

Copyright MyCorp © 2016